Universo Nintendo

Phill Spencer, CEO da divisão de jogos da Microsoft, alega que ‘adoraria’ ver Call of Duty no Nintendo Switch

Spencer reforça que franquia será expandida para mais plataformas como ocorreu com Minecraft.

Durante um evento que ocorreu mais cedo hoje e foi organizado pelo Wall Street Journal, o CEO da Microsoft Gaming e também chefe da divisão Xbox Phill Spencer comentou sobre seu desejo de ter Call of Duty em mais plataformas além do PlayStation e Xbox.

Sobre o futuro da companhia após aquisição da Activision Blizzard ser completada pela Microsoft, Spencer comentou:

Call of Duty especificamente estará disponível no PlayStation. Eu adoraria vê-lo no Nintendo Switch, adoraria ver o jogo rodando em muitas telas diferentes. Nossa intenção é tratar Call of Duty como Minecraft.

Não é a primeira vez que um executivo da Microsoft comentar ter interesse em levar Call of Duty para plataformas Nintendo, visto que o presidente Brad Smith no momento de anúncio da aquisição da Activision Blizzard já havia deixado explícito seu interesse em ter a franquia em “dispositivos Nintendo”.

Sobre Minecraft, desde a compra da Mojang Studios pela Microsoft, não só o suporte às diversas plataformas foram mantidos, como os jogos subsequentes envolvendo a IP permanecem chegando ao Nintendo Switch e PlayStation – casos de Minecraft Dungeons e o mais recente anúncio, Minecraft Legends – esse projetado para chegar às plataformas acima somadas ao Xbox e Windows em 2023.

Fonte @tomwarren
você pode gostar também
Comentários