Universo Nintendo

Análise – SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris

SAO retorna com batalhas integradas e cheias de ação em tempo real que combinam técnicas de espada, artes sagradas e seus personagens favoritos.

Sword Art Online, SAO para encurtar, é uma série de light novel escrita por Reki Kawahara que aborda um futuro próximo, em que a tecnologia evoluiu a realidade virtual a tal ponto que os MMORPG são absolutamente imersivos. Apesar de ser uma série sobre tecnologia, ela ajudou a popularizar o gênero de anime isekai (quando personagens vão para um mundo totalmente diferente em outra dimensão ou algo parecido).
SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris é o sexto jogo baseado na série e conta uma história original que se passa no ultimo arco animado até o momento (Alicization). O jogo tenta trazer toda a imersão que o VRMMORPG tem para o nosso mundo. O mais incrível é que ele consegue — mas será que isso é bom?

Alicization

SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris começa recapitulando a primeira parte do arco Alicization para ajudar a dar contexto ao jogador novo (ou a quem esqueceu o que aconteceu). Essa introdução pode ser pulada a qualquer momento, e me arrependo muito de não ter feito isso, pois fiquei com a impressão de que joguei o anime frase por frase (e só nisso foram 25 horas).
Nesse primeiro arco, somos apresentados ao Underworld, às regras que regem o mundo, ao “sistema de jogo” (porque esse mundo não é para ser um jogo) e ao nosso protagonista, Kirito, que está tentando entrar em contato com mundo externo, já que ele não tem nenhuma lembrança de como chegou nesse mundo. O foco desse início está em tentar contato com o mundo exterior e encaixar uma história original ao final desse arco, que é o conteúdo principal aqui.

A história de SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris é maior do que deveria, já que a cada 5 minutos andando, passamos 30 lendo texto. Em algumas situações isso seria interessante, ajudaria a expandir o universo apresentado ou na imersão do mundo, mas o roteiro é muito mundano, simplista e repetitivo. Apesar disso, devo dizer que há vários recursos para lidar com as falas e os textos, como passagem automática, rápida ou pular mesmo (mas nem sempre funciona). Os capítulos encerram e começam de qualquer modo, sem uma boa narrativa; os capítulos, aliás, são divididos em várias partes, o que também deixa tudo mais confuso.
A história em si é sobre as sementes de uma árvore misteriosa que está crescendo e se enraizando por todo o Underworld. O jogador deve visitar todo o reino e acabar com essas sementes. A parte interessante disso é que você acaba conhecendo mais o mundo que não foi tão apresentado no anime, porém, ao mesmo tempo, não somos apresentados a mais nada de novo. Depois de 50 horas de jogo, parei de prestar atenção na história, pois não tinha relevância.

Artes sagradas, perícia e… namoro?

SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris tem a jogabilidade de um action RPG, mas também traz muitos elementos de JRPG, como gerenciar os colegas de equipe, enormes árvores de habilidade, classes de arma diferentes etc. Contudo, embora existam tantos recursos, nem tudo é bem aproveitado, já que há muitas habilidades passivas e só podemos equipar 4 em cada personagem — o mesmo vale para artes de espada e de combate. As habilidades de combate, por sua vez, dividem o espaço com os itens, o que as limita ainda mais, e por mais alto que seja o número de possibilidades que temos, ainda não se tem uma melhora significativa nos combates. Por outro lado, há tantos desafios não opcionais que em algum momento dá pra ficar forte sem pensar muito.

Uma coisa que não falta em SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris são sistemas: há sistemas de combate, de artes sagradas (um tipo de magia), de missões, de árvores de habilidades, de criação e até de namoro. Sim, de namoro, já que a obra original é um tipo de romance. Por isso, por que não adicionar esse recurso e poder fazer o final com seu personagem favorito? Além de mini-sagas com os parceiros, ao colocá-los como seu segundo personagem, podemos sair para um date com eles e quem sabe até algo a mais.
Conteúdo é o que não falta aqui, mas novamente Alicization Lycoris peca nesse excesso. São tantos sistemas, tantas funções, números e status que não são claros, não se comunicam e alguns sequer são explicados. É muito fácil perder o foco e se perder no game. Porém, é ótimo para quem quer mais tempo de jogo, mas ao mesmo tempo, fica a dúvida em como e se brincar com todos esses sistemas afeta a história principal.
No fim, o maior problema da jogabilidade são as várias interrupções que a história principal faz para apresentar diálogos longos que se misturam com animações, quebrando o ritmo e não adicionando muita coisa ao roteiro.

Parte técnica

Quando se fala em jogos de anime não tem muito para onde ir, além de desenhos em 3D. Com SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris não é diferente, aqui temos vários cenários, que, apesar de divididos por áreas de carregamento, são bem vastos. A equipe responsável pelo port teve um grande desafio: os 60GB das outras versões se transformaram em apenas 20GB, e é claro que isso teve um impacto grande visualmente.
Cenários perderam detalhes e texturas foram suavizadas — algo compreensível mas, ainda sim, bem perceptível logo no primeiro momento. Pelo menos as cenas em formato de filme se mantêm em boa qualidade.

A interface de SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris até que é bem limpa por padrão e tem uns recursos bem interessantes, como indicativo de rota da quest principal ou de algum ponto no mapa, ótimo pra quem quer explorar e alcançar aqueles objetivos difíceis de chegar.

No fim, SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris é um jogo feito para os fãs e talvez não seja muito recomendado para quem não conhece a série.

Veredito
SWORD ART ONLINE Alicization Lycoris tenta agradar todos os fãs — seja da light novel, do anime ou dos jogos. Entretanto, o excesso é o problema. Ter tantos recursos disponíveis ao mesmo tempo não foi uma boa ideia, pois fiquei com a impressão de que eles não se comunicam dentro do game.
Prós
Uma campanha bem digna de RPGs;
Podemos controlar diversos personagens da série;
História original;
Totalmente traduzido em português.
Contras
Sistemas demais;
Gameplay confuso;
Quebra de fluxo constante por conta de cenas desnecessárias;
Downgrade significativo.
6.5
ok
você pode gostar também
Comentários